STOCK-CAR

Intermediação de crédito

S.C. Automóveis e Componentes S.A.

 

 

Informações sobre Intermediário de Crédito

A S.C. Automóveis e Componentes S.A. usufrui do estatuto de Intermediário, as informações encontram-se disponíveis no Portal do Cliente Bancário, em www.clientebancario.bportugal.pt. Estas são obrigatórias a prestar pelo concessionário no exterior e no interior do estabelecimento, ao abrigo do decreto-lei nº 81-C/2017, relativo ao regime Jurídico dos intermediários de crédito.

 

1. Denominação do intermediário de crédito

S.C. Automóveis e Componentes S.A.

 

2. Registo junto do Banco de Portugal

0001276

 

3. Sede Social

Lugar de Cabanas, Dume 4700-048, Braga  

 

4. Mutuantes com contrato de vinculação:

• COFIDIS

• BANCO BPI, SA

• FCA CAPITAL PORTUGAL, INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DE CRÉDITO, SA

• BBVA, INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DE CRÉDITO, SA

• FCE BANK PLC

• 321 CRÉDITO - INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DE CRÉDITO, SA

• BNP PARIBAS PERSONAL FINANCE, S.A. - SUCURSAL EM PORTUGAL

• BANCO CREDIBOM, SA

 

5. Categoria do intermediário de crédito

Intermediário de crédito a título acessório

É uma pessoa singular ou coletiva que fornece bens ou serviços e que, em nome e sob responsabilidade total e incondicional do mutuante ou de vários mutuantes, atua como intermediário de crédito, tendo em vista a venda dos bens ou serviços por si oferecidos.

 

Intermediário de Crédito autorizado a prestar os seguintes serviços:

• Apresentação ou proposta de contratos de crédito a consumidores.

 

6. Entidade que garante a cobertura de responsabilidade civil:

Liberty Mutual Insurance Europe Limited

 

Receção ou Entrega de Valores

Nos termos do Artº 46º do Decreto-Lei nº 81-C/2017, está vedada ao Intermediário de Crédito a receção ou entrega de quaisquer valores relacionados com a formação, a execução e o cumprimento antecipado dos contratos de crédito. A atividade de Intermediação de Crédito é supervisionada pelo Banco de Portugal.

 

A Arbitragem de Conflitos de Consumo

Os Centros de Arbitragem de Conflitos de Consumo têm competência para tentar resolver reclamações contra profissionais que estejam estabelecidos em zonas geográficas definidas, sobre matérias definidas e se o valor da reclamação estiver dentro dos limites da autorização do centro.

 

A nossa empresa aderiu aos seguintes centros de arbitragem:

• Centro de Arbitragem de Conflitos de Consumo de Lisboa;

• CNIACC - Centro Nacional de Informação e Arbitragem de Conflitos de Consumo;

 

Para maior informação pode consultar a Lei 144/2015 e em www.consumidor.gov.pt as entidades de RAL disponíveis para a resolução de litígios de acordo com a referida Lei 144/2015